domingo, 6 de novembro de 2011

Comunidades Sofrem com o Transporte Público no Cabo.

A empresa de ônibus São Judas Tadeu, não vem atendendo as comunidades que estão localizadas na estrada antiga da praia de Suape, mesmo com a recuperação realizada pela prefeitura do Cabo, "nós estamos sofrendo muito, pois temos que trazer nossas feiras caminhando desde do lava-jato até Tiriri" afirmou a senhora Maria do Carmo moradora do Engenho Tiriri, já para seu Nêgo Cassiano, nativo da região "nunca passamos por uma situação de tanto descaso, essa empresa São Judas Tadeu esta passando do limite, já deveria ter mudado, nós somos seres humanos e temos nossos direitos".

terça-feira, 19 de julho de 2011

Dilma liga para Eduardo e envia ministro dos Transportes para Vistoriar BR-101 e PE-60, Pena que ele vem de helicóptero!

O ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, estará em Pernambuco amanhã (20) para vistoriar a BR-101 e a PE-60. A visita do ministro foi acertada durante telefonema da presidenta Dilma Rousseff para o governador Eduardo Campos nesta terça-feira.

A conversa aconteceu logo no início da manhã e durou cerca de 20 minutos. A presidenta ligou para solidarizar-se com as vítimas das chuvas que atingiram Pernambuco no último final de semana e colocou o Governo Federal à disposição para colaborar no que for preciso.

Às 10h, governador e ministro farão um sobrevôo sobre a BR-101 até o entroncamento com a PE-60. Depois seguem para uma reunião no Palácio do Campo das Princesas e concedem entrevista coletiva por volta das 12h15.

A PE-60 vem sofrendo grande desgaste desde as chuvas do ano passado, quando parte do trânsito da BR-101 foi desviado para a rodovia estadual. Na ocasião, ficou acertado que a manutenção da rodovia estadual seria feita pelo DNIT.

Fonte Gazeta Nossa.

19

Polo da UFRPE no Cabo deve ser instalado em 2013

Afirmação foi do reitor Valmar Corrêa de Andrade ao senador Armando Monteiro
O senador Armando Monteiro teve dia19 de julho reunião de trabalho com o reitor e dirigentes da Universidade Federal Rural de Pernambuco. Na pauta, a implantação do novo campus no Cabo de Santo Agostinho, que permitirá ampliação significativa na oferta de engenheiros no Estado e no país, nos próximos anos. A unidade da UFRPE, segundo o reitor Valmar Corrêa de Andrade, que coordenou a reunião, poderá ficar pronta em 2013. Terá capacidade para 10 mil alunos e receberá investimentos estimados em R$ 145 milhões, incluindo obras e equipamentos.
Durante a reunião, o senador Armando Monteiro comprometeu-se com reforçar as gestões em Brasília em favor do projeto, principalmente no Ministério da Educação e com a presidente Dilma Rousseff. O projeto tem sido articulado pelo governador Eduardo Campos, que é o principal parceiro da UFRPE. Cabe ao Estado, em seu processo de implantação, a doação do terreno que irá abrigar o novo campus e a aplicação de recursos na montagem de um centro tecnológico que viabilizará a integração entre a universidade e empresas interessadas em pesquisas.
“Na verdade, este projeto é quase uma nova universidade”, ressaltou o reitor Valmar Corrêa, lembrando que a expansão abrirá vagas para 10 mil alunos, enquanto que a UFRPE tem hoje 22 mil, sendo 14 mil em cursos presenciais, 6 mil em cursos à distância e 2 mil em pós-graduações. Armando ressalta a importância de se ampliar os cursos de engenharia no Brasil: "Para que o País se posicione como potência no mundo, é preciso o fortalecimento das engenharias. Países como Índia e China formam mais de 300 mil engenheiros por ano, ao passo que o Brasil forma apenas 30 mil".
O novo campus da UFRPE oferecerá cursos sobretudo nas áreas de maior gargalo do mercado de trabalho hoje em Pernambuco e no país. Serão vagas de graduação e de tecnólogo nas engenharias química, elétrica, eletrônica, civil, mecânica e de materiais, além de licenciaturas em física, matemática, química, contabilidade e finanças. Nos cursos, os alunos terão ainda oito semestres de língua estrangeira (inglês, espanhol ou mandarim).

domingo, 17 de julho de 2011

Reforma Política

CÂMARA FEDERAL  
"A reforma política não vai sair", afirma Silvio Costa
alt


O início dos trabalhos no Congresso Nacional até deu a impressão de que uma proposta de Reforma Política poderia nascer ainda este ano, já visando, inclusive às eleições de 2012. Os efusivos discursos que defendiam a construção de uma normatização político-eleitoral e que a colocava como prioridade para o início da atual legislatura foram substituídos por um pessimismo que encontrou refúgio na falta de consenso, principalmente entre os deputados. “A Reforma Política não vai sair. São 513 deputados e 513 pensamentos diferentes sobre o assunto. Nenhuma das propostas vai passar, pelo menos para 2012”, proferiu o deputado Silvio Costa (PTB).

A Câmara e o Senado instalaram, em separado, suas comissões para discutir a questão. Várias ações foram promovidas, com audiências públicas e seminários para debater as mudanças. Porém, o fato de haver discordância sobre quais seriam os principais tópicos da reforma impediu que o próprio relator da proposta na Câmara, o deputado Henrique Fontana (PT), concluísse o seu texto antes do recesso parlamentar.

“O companheiro Henrique Fontana está fazendo um excelente trabalho na relatoria da Reforma. O que existe é uma grande dificuldade de construir um consenso. Ele está trabalhando para fazer um texto que não é do PT, mas da Câmara dos Deputados. E como são muitas as diferenças, fica difícil fechar o texto”, analisou  João Paulo (PT), membro da Comissão de Reforma.

Também integrante do grupo, o deputado Augusto Coutinho (DEM) entende que apenas modificações pontuais devem ser aprovadas na legislação eleitoral. “É muito difícil ver um texto aprovado até setembro, para que seja modificado algo importante para a eleição de 2012. Somente pequenas alterações, como mudança na data de posse, devem passar”.

As principais discordâncias relativas às diferentes propostas de Reforma Política estão relacionadas ao sistema político que deve prevalecer. Alguns parlamentares defendem a implantação da chamada verdade eleitoral ou distritão,  o qual os hoje candidatos proporcionais seriam eleitos no formato majoritário. O atual quociente eleitoral seria extinto e os mais votados sairiam vitoriosos das urnas. Contudo, outro grupo defende o voto em lista, no qual os partidos estabeleceriam sua preferência por uma ordem pré-estabelecida.

Compesa se compromete pelo Twitter em fazer vistoria em Gaibu para tapar os Buracos deixados pela Rocha Empreendimentos


sexta-feira, 15 de julho de 2011

INÉDITO


pOSTADO ÀS 08:08 EM 15 DE JULHO DE 2011
A Justiça cassou, pela primeira vez no Brasil, o mandato de político que mantém centro social na base eleitoral. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio impôs a pena ao deputado estadual Domingos Brazão (PMDB-RJ), que foi cotado para assumir a presidência da Assembleia fluminense neste ano, segundo a Folha de São Paulo.

Ele foi acusado pelo Ministério Público por abuso de poder econômico nas eleições do ano passado.Segundo a Procuradoria, o oferecimento gratuito de remédios, atendimento médico e cursos do Centro de Ação Social Gente Solidária, vinculado ao deputado, criava um "curral eleitoral, com prática de assistencialismo

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Tecnologia a Serviço do Homem


TV vai emitir odores

14 de julho de 2011 | 9h53
Ethevaldo Siqueira
Imagine o cenário de um jardim florido em sua televisão e você poder sentir o perfume das rosas e manacás. Ou mil outras cenas em que há odores característicos associados à imagem da televisão.
Por mais surpreendente que possa parecer, esse é o objetivo de uma pesquisa que está sendo desenvolvida na Universidade da Califórnia em San Diego em cooperação com a Samsung. Um dispositivo especial emitirá um conjunto de 10 mil odores diferentes.
E mais: a televisão não só emitirá perfumes mas, também, cheiros desagradáveis. Os softwares desenvolvidos já imitam cerca de 10 mil odores criados e catalogados: do mais agradável ao mais repugnante. Da rosa mas perfumada ao gambá mais fétido. Mas, no controle remoto, você reduzir a intensidade dos odores e poderá até desligar o gerador de odores, ou, ainda, selecionar apenas os que são mais agradáveis.
A pergunta de muita gente é esta: “Qual é o objetivo de se adicionar odores à imagem de TV?” A resposta dos pesquisadores é simples: objetivo do novo recurso dos televisores é conferir mais realismo às todas as cenas. Numa praia tranquila você sentirá o cheiro da maresia. Um dos pesquisadores, relembra que, diante de uma cena de uma floresta de eucaliptos ou de pinheiros, você sentirá o perfume dessas árvores. Num tiroteio sentirá o cheiro da pólvora. Num incêndio, cheiros de produtos químicos queimados.
Já existem fábricas de perfume pensando em anúncios mais convincentes. Ou mesmo dos fabricantes de amaciantes de roupa ou desinfetantes domésticos.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Deputados 'ficha suja' tomam posse na Câmara

BRASÍLIA - Três deputados que tinham sido barrados pela Lei da Ficha Limpa tomaram posse na Câmara nesta tarde. João Pizzolatti (PP-SC), Janete Capiberibe (PSB-AP) e Magda Moffato (PTB-GO) tiveram suas posses aceleradas depois que a Câmara decidiu acabar com um processo interno antes de cumprir as decisões judiciais sobre o caso.
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a Lei da Ficha Limpa não tem validade para as eleições de 2010. Com isso, os votos de quem foi barrado pela Lei estão sendo validados e alguns têm ganho o direito a tomar posse. Até agora, antes de cumprir as decisões judiciais, a Câmara abria um processo interno dando "direito" ao deputado que vai sair de apresentar uma espécie de defesa. Um ato aprovado ontem determina que a troca passará a ser automática assim que chegar um comunicado da justiça.
Além dos três deputados "ficha suja" outro parlamentar foi beneficiado e assumiu nesta quarta-feira, 13. Nilson Leitão (PSDB-MT) não foi enquadrado na lei, mas se beneficiou porque os votos de Willian Dias (PTB-MT) foram validados e levaram a uma alteração no coeficiente eleitoral do estado. Com isso, o tucano Nilson Leitão fica com a vaga de Ságuas Moraes (PT-MT).

CCJ aprova adicional de periculosidade para vigilantes. Proposta ainda precisa ser votada pelo Plenário.

Brizza CavalcanteNelson Pellegrino recomendou a aprovação do projeto.
A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou nesta quarta-feira (13) proposta que garante adicional de periculosidade de 30% sobre o salário para os vigilantes e empregados em transporte de valores, em virtude da exposição da categoria a roubos ou outras espécies de violência física.
O texto aprovado é uma emenda do Senado ao Projeto de Lei 1033/03, da ex-deputada e atual senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), aprovado pela Câmara em 2009. A proposta altera a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT – Decreto-Lei 5.452/43).
Atualmente, a CLT considera perigosas e prevê adicional de 30% para as atividades ou operações que impliquem o contato permanente com inflamáveis ou explosivos em condições de risco acentuado. O texto aprovado pela Câmara em 2009 incluiu, entre essas atividades, o contato permanente com energia elétrica; o risco acentuado em virtude de roubos ou outras espécies de violência física e acidentes de trânsito e trabalho em condições de risco acentuado.
Já a emenda do Senado, aprovada hoje, restringe esse adicional de periculosidade às atividades profissionais de segurança pessoal ou patrimonial e às que impliquem o contato permanente com energia elétrica (o adicional de periculosidade para os eletricitários já está previsto na Lei 7.369/85). A emenda suprimiu a possibilidade de concessão do adicional de periculosidade em razão de exposição permanente a acidentes de trânsito e trabalho, mantendo as situações já previstas na CLT.
O relator da proposta na CCJ, deputado Nelson Pellegrino (PT-BA), apresentou parecer favorável. “Os vigilantes arriscam sua vida no dia a dia. Por isso, é mais do que justo garantir o adicional de periculosidade à categoria”, disse Pellegrino, em reunião que contou com a presença de profissionais do setor. A medida, disse ainda, dará maior segurança jurídica aos contratos do setor.
Tramitação
A proposta já foi aprovada pela Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público e ainda depende de análise do Plenário.

terça-feira, 12 de julho de 2011

A prefeitura do Cabo e a Comunidade de Gaibu Realizaram do dia 23 de Junho até o dia 10 de Julho - O maior São João de Todos os Tempos, Confira algumas Fotos




A população participou e se divertiu bastante durante os 17 dias de muita animação!


A estrutura contou até com um praça de alimentação.


Geração de renda e empregos temporários, 10 bares e 05 barracas de lanches e comidas tipicas, mais de 70 pessoas trabalhando durante todo período.


Sérgio de Nalva Coordenador de Articulação Política, Abel Neto secretario de Desenvolvimento Econômico e Turismo e Eduardo proprietário da Lanchonete Big Burguer, no primeiro dia do evento.


Festa bonita e organizada com a participação efetiva da comunidade.


As amigas Nalva e Amara marcaram presença.


A alegria foi a marca registrada do evento.


Sérgio de Nalva e Alan Souza o locutor oficial do evento.


A Polícia Militar deu total assistência e esteve presente durante todo evento, já a Polícia Civil montou uma delegacia móvel e a guarda municipal garantiu o a mobilidade na AV. Laura Cavaltante.

A juventude presente.


As famílias.





Luciana do Restaurante Opará e amigos.


Sérgio Perrucho e Sérgio de Nalva coordenadores de articulação política, juntos com Fernado Campos.


Banda Delícia Musical


O Amigo Nenem do Frigorifica MM e amigos.


Forró de qualidade Genildo arrebentou.


A amigas Jô, Karla e o amigo Adilson.


Muita gente bonita.

Parabéns a todas as pessoas que realizaram esse que foi ao maior São João de todos os tempos de Gaibu.

sábado, 9 de julho de 2011

Cabo de Santo Agostinho Chega aos 134 anos com elogios do MTST

As comemorações dos 134 anos do Cabo de Santo Agostinho foram comemorados no Centro Administrativo Municipal (CAM), no bairro da Torrinha, na manhã deste sábado (09/07). Logo às 5h, uma queima de fogos sinalizou que o dia seria de festa. Às 8h, O vice-prefeito José Ivaldo Gomes, secretários, funcionários da prefeitura e dezenas de cidadãos cabenses participaram do hasteamento das bandeiras do Brasil, de Pernambuco e do Cabo, ao som dos seus respectivos hinos orquestrados pela Filarmônica XV de Novembro.

Em seguida, com a presença do prefeito Lula Cabral, foi realizada uma missa em ação de graças em homenagem à cidade, celebrada pelo monsenhor Josivaldo Bezerra (pároco da Matriz de Santo Antônio - centro), juntamente com os padres Severino Lourenço (pároco da Matriz de São José Operário – Vila Social), Josenildo Tavares (administrador da Paróquia de São José – Jussaral) e Valdir Bezerra (vigário da Paróquia de Nossa Senhora da Apresentação – Escada).

A celebração teve a participação da cantora lírica mezzo-soprano Belani Teófilo que, a pedido do prefeito, cantou as músicas Pai Nosso, de Malotte e Ave Maria, de Schubert, acompanhada do pianista Sueudo Fernandes. Após a missa, houve o tradicional corte de bolo, este ano com 150 quilos, ao som da Banda Marcial Claris Independente. O deputado Everaldo Cabral e o vereador Cianinho (representando a Câmara de Vereadores do Cabo) também prestigiaram as solenidades.

Durante a ocasião, o prefeito Lula Cabral agradeceu a presença de todos e deixou uma mensagem à população. “Este é um dia muito especial para os cabenses, que comemoram este mês os 134 anos de emancipação política do município e os 200 anos de elevação à vila. E eu quero dizer que os cabenses sabem que podem contar comigo, que tenho trabalhado, junto com os secretários, para dar uma qualidade de vida melhor para todos. Para mim, é uma honra ser prefeito desta cidade”, declarou.

HOMENAGEM – Durante as comemorações, integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) do Cabo fizeram uma homenagem ao prefeito Lula Cabral, agradecendo a construção de moradias do habitacional Novo Tempo, as quais estão beneficiando centenas de famílias. “Viemos entregar ao prefeito uma pauta de agradecimento pelas conquistas que tivemos e pedir mais ações para nossas famílias”, disse o coordenador regional do movimento, Claudivânio Francisco. O prefeito recebeu também um kit, com camisa e boné do MTST.

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Suape programa ainda para mês de julho licitação para terraplanagem da Fiat no Cabo de Santo Agostinho


A administração do porto de Suape iria soltar na semana passada a licitação para a escolha das empresas que farão a terraplanagem do terreno da Fiat. Como as chuvas atrapalharam, a abertura do processo licitatório foi adiado, mas a expectativa é de que a licitação ocorra ainda agora em julho, de modo que a terraplanagem seja iniciativa em agosto ou setembro.

São 353 hectaraes de área já mapeanda, próximo à entrada de Suape e ao lado da Termelétrica Suape Energia.
Já existem vários grupos formados e credendiados para a disputa, entre eles gigantes como Queiroz Galvão e Andrade Gutierrez. No total são sete consórcios já habilitados. Um deles reune Queiroz Galvão, OAS e Odebrecht. O outro junta Andrade Gutierrez e Galvão Engenharia. Constran, de São Paulo, também está na disputa, como Encalço, de São Paulo, Mendes Trading, BM, do Paraná e ARG, de Minas Gerais.
A obra faz parte das contrapartidas que o governo do Estado comprometeu-se a realizar e que incluem as vias de acesso e sinalização. Esses gastos podem chegar a casa dos R$ 500 milhões.
De acordo com funcionários da gestão portuária, como está tudo certo, a Fiate não tem ocmo dizer que o projeto não é lá. A dúvida teria começado a existir a partir do momento em que existe a necessidade de se ver uma área para a pista de treianemnto e o centro de tecnologia da Fiat, que poderia ser em goiana. No entanto, isto não poderia ficar pronto na velocidade que a Fiat planeja.

Goiana lançou um projeto de PPP para ganhar aeroporto, porto, ao custo de R$ 3 bilhões, mas ainda não conta nem com investidores. No caso da terraplanagem, a cidade leva vantagem por estar situada sob uma área de tabuleiro, o que ajudaria a reduzir os custos com essa parte da obra.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Projeto do Centro de Vivência Ecológica e Cultural Ame a Terra Beneficiará Diretamente 25 Mulheres

A ong CENTRO DE VIVENCIA ECOLOGICA E CULTURAL - Ame a Terra, com sede na zona rural do cabo de santo agostinho, INICIA DIA 11 DE JULHO 2011, projeto que beneficiará diretamente 25 mulheres do Município do Cabo pela geração de renda ( produção de bolsas retornáveis e peças artesanais a partir de materiais usados e reaproveitável), como também na preservação da natureza, quando evita deste material poluir o solo.Este projeto, tem parceria com a LANXESS, que doou parte do recursos financeiros, com o Moviemento dos Moradores da Vila Claudete e Artesões Ecológicos. O mesmo será desenvolvido na Vila Claudete e na Vila Rosário. Segundo a presidente da ONG, Maria Goretti, "este projeto é apenas o início de uma série de ações ecológicamente corretas que a nossa ONG, pretende desenvolver em parceria com outras instituições e empresas, sensíveis ao sofrimento do planeta TERRA".

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Posseiros e Moradores do Complexo de Suape Juntos Pela Moradia.

Os Posseiros e moradores das áreas que fazem parte do complexo portuário de Suape, estão articulando um movimento regional que vai cobrar do Governo do estado, um modelo justo de negociação pela terra e moradia. O Movimento chamará atenção dos deputados estaduais, vereadores e prefeitos da região, para a problemática e cobrará publicamente o envolvimento de todos nesse processo, em busca de uma melhor qualidade de vida para esses moradores. O primeiro encontro do movimento esta sendo articulado pelo MAP - Movimento Ação Popular e Já conta com 16 comunidades envolvidas. 
"Nós não podemos deixar a empresa Suape, tratar as pessoas, que inclusive nasceram nas diversas localidades do entorno de Suape, como se fossem invasores e marginais, não, os moradores são cidadãos. Veja que contradição da empresa Suape: é em nome de melhorar a qualidade de vida da população, gerando emprego e renda, garantindo saúde, educação, segurança e principalmente Habitação, que Suape absorve esses empreendimentos gigantescos para pernambuco, mas faz exatamente o contrario com essas comunidades, não qualificam, não protegem do choque cultural estabelecido pela chegada de gente de todas as partes, não garantem nenhuma infra estrutura, e, simplesmente jogam esses moradores a sua própria sorte, sem si quer, se responsabilizar com a adaptação dessas pessoas a uma nova realidade, a realidade URBANA, que efetivamente não condiz com vida calma e pacata que esses moradores têm na zona rural" afirma Sérgio Belo um dos coordenadores do movimento.
Segundo Sérgio o movimento estará se reunindo novamente na primeira quinzena de julho e o encontro será amplamente divulgado.

   

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Seminário discute as Ameaças e Desafios do Crescimento Econômico da Região de Suape



O Movimento Eco-Vida e o Fórum das Entidades do Cabo informam que as inscrições do seminário AMEAÇAS E DESAFIOS DO CRESCIMENTO ECONÔMICO DA REGIÃO DE SUAPE estão abertas até a próxima sexta-feira, dia 17/06.

As inscrições podem ser feitas no Centro das Mulheres do Cabo, localizado no Centro da cidade, próximo ao Teatro Barreto Júnior.

Das 8h às 17h no dia 21/06, na Paróquia de São José Operário, o movimento social organizado do Cabo estará discutindo o momento de crescimento econômico provocado pelos investimentos na Região Estratégica de Suape, seus impactos sociais, ambientais e culturais, com o objetivo de extrair a CARTA DO CABO, manifesto onde estarão registrados os desafios e as estratégias que os movimentos sociais irão adotar no enfrentamento dos problemas que vêm atormentando a população local.

terça-feira, 14 de junho de 2011

Google dá Exemplo aos Governantes do Mundo. Que Diferença, Aqui é só atraso! Termoelétricas a Diesel e Energia Nuclear.

Google investe US$ 280 milhões para promover energia solar.
Dinheiro será destinado à criação de um fundo que auxiliará a instalação de equipamentos em residências e empresas

Da AFP

O Google anunciou nesta terça-feira (14) que investirá US$ 280 milhões para desenvolver o uso da energia solar em residências e empresas.

O dinheiro será destinado à criação de um fundo que auxiliará à empresa SolarCity a financiar a instalação de equipamentos em residências e empresas.

"Este é nosso maior investimento até agora em um projeto de energia limpa, e eleva a US$ 680 milhões o valor total que já aplicamos no setor", destaca em seu blog o diretor do Google Rick Needham.

"Seguimos procurando outros projetos para investir em energias renováveis", disse Needham, acrescentando que o acordo com a SolarCity permitirá aos funcionários do Google obter equipamentos a preços reduzidos.

No mês passado, o Google anunciou um investimento de US$ 55 milhões em uma 'fazenda' eólica na Califórnia, após aplicar US$ 100 milhões em outro projeto semelhante, no Oregon, em abril.

Google também investiu US$ 168 milhões para concluir um dos maiores projetos de produção de energia solar do planeta, no deserto californiano de Mojave.

Réu do Caso Alcides é condenado a 25 anos de prisão



O réu João Guilherme Nunes da Costa, 28, foi condenado a 25 anos de reclusão pelos crimes de homcídio duplamente qualificado, por motivo torpe, além do crime de corrupção de menores. Ele foi condenado por votos a A defesa tem dez dias para recorrer. "A pena foi muito alta. Além disso, acredito na inocência de João Guilherme, devido às falhas nos autos".


"sinto que Deus existe, ele foi condenado aqui na Terra e no céu", comentou a mãe do estudante, Maria Luiza do Nascimento.


O estudante Alcides do Nascimento Lins foi assassinado com dois tiros em sua casa na Vila de santa Luzia, na Torre, no dia 5 de fevereiro de 2010.


A sentença foi decretada pelo juiz Ernesto Bezerra, após a decisão dos sete jurados.


"A defensoria fez o seu papel, mas as provas eram muito consistentes, por isso provamos, de forma clara, que o réu era autor do crime", comenta a promotora, Helena Martins.


O julgamento, realizado no Fórum Joana Bezerra, durou cerca de oito horas.


A mãe de Alcides acompanhou a audiência e se emocionou diversas vezes.


A defesa ficou a cargo de Fernanda Vieira, que insistiu na fragilidade da investigação policial, chegando a afirmar que havia sido uma "manobra" para colocar João Guilherme na cadeia. Para ela, o réu serviu de "bode expiatório".


A promotora responsável pelo caso foi Helena Martins, que se baseou no inquérito e no depoimento do menor envolvido no crime e das testemunhas."Esse caso se desvendou com base em fatos, não em comentários", disse, durante o julgamento.


Em relação ao argumento na contradição da descrição física de João Guilherme, a promotora indagou "Qual a diferença entre um branco e um pardo? De uma pessoa com 1,71m e 1,75m? É muito pouca".

Grupo Arco-Íris oferece 80 vagas para portadores de necessidades especiais

O Grupo Arco-Íris abre 80 vagas de emprego para portadores de necessidades especiais. As vagas são para as funções de operador de caixa, embalador e repositor. Oferecendo o salário piso da categoria, que é de R$ 570,00 mais o ticket refeição. Os interessados devem deixar o currículo em qualquer loja da rede. Não é necessária experiência anterior.


O objetivo do Grupo é incentivar o desenvolvimento de projetos que gerem a inclusão social. É fazer com que outras empresas também optem por formas de exercitar sua função social. Sem esquecer que, para que o processo de inclusão dos portadores de necessidades especiais no mercado de trabalho seja bem sucedido, é necessário que inúmeras etapas sejam cumpridas. O Grupo Arco-Íris está fazendo a sua parte.


ARCO-ÍRIS - A rede pernambucana de supermercados Arco-Íris, há 30 anos no mercado, possui 20 lojas espalhadas por bairros do Grande Recife, uma unidade do Arco-Vita e o Atacado dos Frios, na Ceasa

segunda-feira, 13 de junho de 2011

E os Políticos do Brasil ainda falam em Energia Nuclear

Itália faz gol de placa contra nuclear
Postado por jtinoco - 13 - jun - 2011 às 15:41
*Por: Pedro Torres


A população italiana foi às ruas mostrar novamente – e de forma esmagadora – que é contra usinas nucleares em seu território. O país agora se junta à Alemanha e Suíça que também anunciaram oficialmente o fim de seus programas.
Trata-se de uma vitória histórica do povo italiano que foi em peso às urnas (maior comparecimento desde a última consulta popular em 1995) dar um recado claro e direto: não a usinas nucleares.
É a segunda vez que, por vontade popular, o país enterra o fantasma para bem longe – já o havia feito em 1987 quando desligou três reatores (Caorso, Trino Vercellese and Latina; um outro já havia sido desligado em Garigliano) e impediu a construção de dois novos em Montalto di Castro.
O resultado do referendo, com a expressiva marca de mais de 95%, anula a lei aprovada ano passado que reiniciava o programa nuclear da Itália.
Por aqui o governo ainda não deu sinais que pretende cancelar Angra 3 e descomissionar Angra 1 e 2. Precisamos investir em energia limpa para o Brasil, como a eólica, solar e biomassa. E chutar para bem longe essa sombra nuclear que ainda ronda nosso país. Hoje os italianos fizeram um gol de placa!

* Pedro Torres é da Campanha de Clima e Energia do Greenpeace no Brasil.

Comemoração do Greenpeace na Itália pelo resultado do referendo. No cartaz, os dizeres "Fechamos as nucleares"

domingo, 12 de junho de 2011

FGTS poderá ser usado para se qualificar

Projeto que permite saque do FGTS para curso profissionalizante deve ser votado na quarta

Da Agência Senado

Em reunião na próxima quarta-feira (15), às 9h, a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) deverá votar, em decisão terminativa, o projeto de lei que prevê a possibilidade de saque dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para o financiamento de parte dos encargos relativos a cursos profissionalizantes, de capacitação ou especialização (PLS 35/11). A matéria é de autoria do senador Epitácio Cafeteira (PTB-MA) e tem como relator o senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), favorável à aprovação da proposta.

O projeto estabelece como requisitos para obter o saque para esses fins que o trabalhador não tenha renda suficiente para arcar com os custos do curso e que não receba bolsa de estudo ou outra forma de subsídio concedida pela instituição organizadora ou outra instituição.

Exige ainda que o trabalhador conte com o mínimo de quatro anos de depósitos no fundo e que o custeio do curso profissionalizante, de capacitação ou especialização não ultrapasse 80% dos encargos. Estipula ainda que o valor bloqueado seja utilizado no máximo durante cinco anos e que a instituição que ofereça o curso pretendido seja reconhecida por órgão competente do Poder Executivo Federal.